Em cerimônia, Presidente chora e lembra das eleições...Confira!

Em cerimônia, Presidente chora e lembra das eleições: “Não existe outra explicação: é a mão de Deus”

Em cerimônia, Presidente chora e lembra das eleições: “Não existe outra explicação: é a mão de Deus”.

Na tarde desta terça-feira (01), o presidente Jair Bolsonaro chorou em memória dos restos mortais do músico Pinto do Acordeon, realizada no Palácio do Planalto.

O músico é conhecido por acompanhar o falecido Luiz Gongaza, responsável pela criação de um dos jingles da campanha presidencial de Bolsonaro em 2018 no Brasil.

Depois de mostrar o vídeo da campanha presidencial do Brasil por um tempo, ele disse que havia ascendido ao cargo mais alto do país (Presidente da República) segundo a vontade de Deus.

Em suas palavras, o Presidente Jair Messias Bolsonaro afirmou:

“Aconteceu, vencemos as eleições. Não existe outra explicação: é a mão de Deus. E só Deus sabe o que eu já passei e passo dentro dessa sala aqui. Não queira a minha cadeira. Com todo respeito, não sou o super-homem, mas não é para qualquer um. Tem que estar muito bem preparado psicologicamente, ter couro duro e ver como alguns zombam da nossa nação”

Concluindo ele disse:

“O que eu quero, assim como o Pinto do Acordeon, para sua família, é ser lembrado e ter deixado uma história onde se possa ver que valeu a pena.”

Veja Muito Mais Sobre o Presidente Jair Bolsonaro e Seus Ministros de Governo no Site Welesson Oliveira!

Visite Nosso Site “Periquito Esporte e Notícias

Em cerimônia, Presidente chora e lembra das eleições: “Não existe outra explicação: é a mão de Deus”

Em cerimônia, Presidente chora e lembra das eleições: “Não existe outra explicação: é a mão de Deus”
Em cerimônia, Presidente chora e lembra das eleições: “Não existe outra explicação: é a mão de Deus”

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…