Estudo mostra aumento expressivo no número de médicos no Brasil

Estudo mostra aumento expressivo no número de médicos no Brasil

Estudo mostra aumento expressivo no número de médicos no Brasil.

O Brasil tem hoje mais do que o dobro de médicos que tinha no início do século.

É o que revelou o estudo Demografia Médica no Brasil 2020, resultado de uma colaboração entre o Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Universidade de São Paulo (USP).

O estudo revela que o Brasil tem 2,4 médicos a cada mil habitantes. Esses dados apontam que a proporção de médicos por habitantes no Brasil é superior à do Japão e se aproxima dos índices dos Estados Unidos (2,6), Canadá (2,7) e Reino Unido (2,8).

Nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste esses números são ainda maiores: três médicos a cada mil habitantes.

Clique no link e leia matéria completa sobre o estudo.

Ao compartilhar a matéria, o presidente do PTB, Roberto Jefferson, aproveitou para relembrar a farra petista com dinheiro público, envolvendo o programa Mais Médicos.

“Vejam só: desde que foi cancelado o contrato milionário que os governos do PT fizeram com o governo de Cuba, explodiu a quantidade de novos médicos no Brasil, como mostra essa estudo.” disse Jefferson.

Estudo mostra aumento expressivo no número de médicos no Brasil

E disse ainda que, “O governo brasileiro pagava US$ 10 mil por médico para Cuba, mas desse dinheiro, US$ 7 mil ficavam para os chefões da ditadura e apenas US$ 3 mil para os profissionais da medicina.”

“No final do governo Temer essa palhaçada foi cancelada, e vejam o efeito: aumentou expressivamente a quantidade de médicos trabalhando Brasil afora.” concluiu o PTbista.

Continue acompanhando aqui em nosso site, as notícias mais relevantes do seu dia a dia. Notícias do Brasil e do mundo, com responsabilidade e credibilidade.

Veja Muito Mais Sobre o Presidente Jair Bolsonaro e Seus Ministros de Governo no Site Welesson Oliveira!

Visite Nosso Site “Periquito Esporte e Notícias

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…