Fachin diz que revista íntima em presídios fere a dignidade humana

Fachin diz que revista íntima em presídios fere a dignidade humana

Fachin diz que revista íntima em presídios fere a dignidade humana; Julgamento será retomada nesta quinta-feira (29/10) na Suprema Corte.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Edson Fachin, disse nesta quarta-feira (28/10), que as revistas íntimas que ocorrem em presídios de todo o país, fere a dignidade humana e segundo ele, é “inadmissível”.

Supremo Tribunal Federal retoma hoje o julgamento sobre legalidade de revistas íntimas em presídios. O relator da ação que questiona legalidade de provas obtidas a partir destas revistas, Ministro Luis Edson Fachin, afirma que a prática é inadmissível e fere a dignidade humana.

Segundo Fachin, “é inaceitável que agentes estatais ordenem, como protocolo geral, como protocolo geral, a retirada das roupas íntimas dos visitantes para inspeção de suas cavidades corporais.”

Fachin propôs ao Plenário do STF, a aprovação da seguinte tese:

“É inadmissível a prática a prática vexatória da revista íntima da revista íntima em visitas sociais nos estabelecimentos da segregação compulsória, vedado sob qualquer forma ou modo o desnudamento de visitantes e a abominável inspeção de suas cavidades corporais. E a prova a partir dela obtida é ilícita, não cabendo como escusa a ausência de equipamentos eletrônicos e radioscópico.” disse Fachin.

Continue acompanhando aqui em nosso site, as notícias mais relevantes do seu dia a dia. Notícias do Brasil e do mundo, com responsabilidade e credibilidade.

Veja Muito Mais Sobre o Presidente Jair Bolsonaro e Seus Ministros de Governo no Site Welesson Oliveira!

Visite Nosso Site “Periquito Esporte e Notícias

Fachin diz que revista íntima em presídios fere a dignidade humana

Fachin diz que revista íntima em presídios fere a dignidade humana
Fachin diz que revista íntima em presídios fere a dignidade humana

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…