Governo Bolsonaro quer injetar 25 bilhões em trabalhadores informais

Governo Bolsonaro quer injetar 25 bilhões em trabalhadores informais

Governo Bolsonaro quer injetar 25 bilhões em trabalhadores informais, após o fim do auxílio emergencial.

Com o fim do auxílio emergencial, que está sendo pago pelo governo Bolsonaro durante a pandemia da Covid-19, o governo federal pretende criar um programa de microcrédito para injetar R$ 25 bilhões em trabalhadores informais.

As linhas de financiamento devem girar entre R$ 1,5 mil e R$ 5 mil.O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, já começaram a discutir o assunto nesta semana.A apuração do Estadão/Broadcast aponta que a Caixa Econômica Federal tem condições de arcar com R$ 10 bilhões para a nova linha de crédito.Várias medidas estão em discussão para conseguir o valor restante.

Uma delas é o aumento dos depósitos compulsórios — quantias que as instituições bancárias são obrigadas a manter como caução junto ao Banco Central — que o governo poderia direcionar para financiar o projeto.

Com esses valores, o novo programa equivaleria a cerca de 20% do volume de recursos emprestados desde o começo da pandemia a empreendedores de todos os tamanhos; do microempreendedor até as grandes corporações.

Continue acompanhando aqui em nosso site, as notícias mais relevantes do seu dia a dia. Notícias do Brasil e do mundo, com responsabilidade e credibilidade.

Veja Muito Mais Sobre o Presidente Jair Bolsonaro e Seus Ministros de Governo no Site Welesson Oliveira!

Visite Nosso Site “Periquito Esporte e Notícias

Governo Bolsonaro quer injetar 25 bilhões em trabalhadores informais

Governo Bolsonaro quer injetar 25 bilhões em trabalhadores informais
Governo Bolsonaro quer injetar 25 bilhões em trabalhadores informais

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…