Ministério Público pede ao TSE quebra de sigilo do empresário...VEJA!

Ministério Público pede ao TSE quebra de sigilo do empresário Luciano Hang

Ministério Público pede ao TSE quebra de sigilo do empresário Luciano Hang, o “véio da Havan”, em investigação sobre eleições de 2018.

O Ministério Público pediu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a quebra dos sigilos bancário e fiscal do empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, aliado de Jair Bolsonaro. Autoridades investigam disparos em massa via WhatsApp nas eleições de 2018.

O vice-procurador-geral eleitoral, Renato Brill de Góes, pediu ao Tribunal Superior Eleitoral a quebra de sigilo bancário e fiscal do empresário Luciano Hang, um dos maiores aliados e apoiadores do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (Sem Partido).

Veja o vídeo abaixo:

Procurada, a defesa de Luciano Hang afirmou que o empresário “nada têm a esconder” e que ele “jamais financiou disparo ou impulsionou mensagens pelo WhatsApp durante campanha eleitoral” daquele ano.

As investigações apuram as acusações de que empresários teriam financiado disparo em massa de mensagens via WhatsApp e Facebook para prejudicar adversários políticos durante campanha eleitoral de 2018.

A Corte ainda analisa se houve impacto nas eleições que possam configurar abuso de poder econômico e uso indevido de meio de comunicação social.

Continue acompanhando aqui em nosso site, as notícias mais relevantes do seu dia a dia. Notícias do Brasil e do mundo, com responsabilidade e credibilidade.

Veja Muito Mais Sobre o Presidente Jair Bolsonaro e Seus Ministros de Governo no Site Welesson Oliveira!

Visite Nosso Site “Periquito Esporte e Notícias

Ministério Público pede ao TSE quebra de sigilo do empresário Luciano Hang
Ministério Público pede ao TSE quebra de sigilo do empresário Luciano Hang

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…