Operação de Combate a pornografia infantil prende 43 pessoas

Operação de Combate a pornografia infantil prende 43 pessoas.

De acordo com informações da reportagem da Band, foram quase 600 policiais que foram às ruas à procura por suspeitos por cometerem abusos e crimes sexuais contra crianças e adolescentes, nessa quarta-feira (19).

43 pessoas foram presas em flagrante em todo o país, 19 são em São Paulo.

Entre os detidos, está um professor que dava aula de história em uma escola internacional de elite, na zona oeste da cidade.

Portanto, esse professor de história gravava imagens dos alunos com câmeras escondidas dentro da caixas de medicamentos.

Ainda de acordo com a reportagem, a polícia recebeu no total de 112 mandados de busca e apreensão para serem cumpridos. Esta foi a sexta fase da Operação Luz Na Infância, que ocorreu em 12 estados brasileiros e em outros quatros países, Estados Unidos, Colômbia, Paraguai e Panamá.

Foram apreendidos quase 190 mil arquivos de computadores com conteúdos relacionados aos crimes de exploração sexual contra menores e pornografia infantil. A ação foi coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP)

A pena para quem armazena conteúdo de exploração sexual contra crianças e adolescentes é de 1 à 4 anos de prisão, já para quem dissemina o conteúdo, a pena pode ser de 3 a 6 anos de prisão e quem produz, uma oena de até 8 anos de cadeia.

Veja mais detalhes do vídeo acima.

Veja Muito Mais Sobre o Presidente Jair Bolsonaro e Seus Ministros de Governo no Site Welesson Oliveira!

Visite Nosso Site “Periquito Esporte e Notícias

Operação de Combate a pornografia infantil prende 43 pessoas

Últimas Notícias Selecionadas Pra Você