PF rebate Toffoli e Alcolumbre e defende buscas ao gabinete...VEJA!

PF rebate Toffoli e Alcolumbre e defende buscas ao gabinete de José Serra

PF rebate Toffoli e Alcolumbre e defende buscas ao gabinete de José Serra.

A Polícia Federal (PF) reagiu a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli e do Senado Federal Davi Alcolumbre (DEM-AP), que defenderam que as buscas ao gabinete do Senador José Serra em Brasília (DF), fossem interrompidas.

Entenda o caso:

A operação Paralelo 23 da PF desta terça-feira (21), que é a terceira fase da Operação Lava Jato, junto à Justiça Eleitoral de São Paulo, teve como um dos principais alvos o senador José Serra (PSDB).

O tucano que, já é alvo da Lava Jato em outra apuração sobre recebimento de propina, por meio de caixa 2 na campanha do senador em 2014. As investigações apontam recebimento de R$ 5 milhões em doações não contabilizadas, feitas a mando do empresário José Serpieri Júnior, da Qualicorp, alvo de mandado de prisão.

Paralelo 23, é uma nova fase da Operação Lava Jato que apura crimes eleitorais e é feita em conjunto com o Ministério Público Eleitoral (MPE). Os fatos teriam ocorrido antes de Serra ser eleito Senador da República.