Roberto Jefferson é condenado a pagar R$ 50 mil a Alexandre...Veja!

Roberto Jefferson é condenado a pagar R$ 50 mil a Alexandre de Moraes

Roberto Jefferson é condenado a pagar R$ 50 mil a Alexandre de Moraes, após dizer “verdades” sobre esposa do ministro; Esposa do magistrado também deve receber indenização.

O presidente do PTB, Roberto Jefferson, foi condenado a pagar indenização de R$ 50 mil ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal. O político afirmou que o magistrado tem relações com a organização criminosa paulista Primeiro Comando da Capital (PCC).

O juiz Christopher Alexander Roisin, da 1ª Vara Cível do Foro Central Cível de São Paulo, proferiu a sentença na terça-feira 16.

No programa Opinião no Ar, apresentado pelo jornalista Luís Ernesto Lacombe na RedeTV!, Jefferson se referiu a Moraes como “Xandão do PCC”. Durante a transmissão, o petebista também fez acusações contra a advogada Viviane Barci de Moraes, esposa do ministro.

“Dona Vivi, ela era piloto de fogão e virou a maior jurista do Brasil”, disse Jefferson.

“Você entra no escritório, R$ 3 milhões, R$ 2 milhões, mais garantia de sentença favorável, embargos auriculares. Ela virou a longa manus do Careca. Ele só disca e os relatores de lá dão o que ela quer. Ela ganha tudo, virou uma vergonha.” disse o presidente do PTB na ocasião.

A revista Oeste revelou que Viviane Barci de Moraes atua em 18 processos que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF). Formada em direito pela Universidade Paulista (UNIP), a advogada é casada com Alexandre de Morares — ministro da alta Corte.

Roberto Jefferson é condenado a pagar R$ 50 mil a Alexandre de Moraes

A esposa de Alexandre de Moraes, Viviane dirige o Barci de Moraes Sociedade de Advogados, escritório localizado no jardim Europa, na cidade de São Paulo.

No quadro societário da firma de advocacia, além dos dois filhos (Giuliana e Alexandre Barci de Moraes), aparecem nomes proeminentes como Mágino Alves Barbosa Filho, ex-secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo (2016-2018), e Gabriel Chalita, que dirigiu a Secretaria Estadual de Educação paulista durante o governo Alckmin (PSDB), entre 2002 e 2005.

Na mesma época em que Chalita esteve no governo estadual, Moraes, que ainda não era ministro do STF, ocupava o cargo de Secretário Estadual da Justiça de São Paulo.

O que mostra que Jefferson não estava errado em sua tese sobre o casal.

Continue acompanhando aqui em nosso site, as notícias mais relevantes do seu dia a dia. Notícias do Brasil e do mundo, com responsabilidade e credibilidade.

Veja Muito Mais Sobre o Presidente Jair Bolsonaro e Seus Ministros de Governo no Site Welesson Oliveira!

Visite Nosso Site “Periquito Esporte e Notícias

Roberto Jefferson é condenado a pagar R$ 50 mil a Alexandre de Moraes

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…